PETER BAGGE: “OS ANOS 80 FORAM MUITO DIFÍCEIS PARA MIM, FINANCEIRAMENTE”

* * * *
A Fantagraphics lançou um The Complete Neat Stuff: dois gibis em capa dura com toda a série Neat Stuff, a revista que Peter Bagge publicou entre 1985 e 1989. Faz uns anos que Bagge não lança gibis novos, só republicações [além dos seus cartuns para a revista libertária Reason]. Pra aproveitar o gancho, o The Comics Journal publicou uma entrevista com o quadrinista. O entrevistador é o também quadrinista J. R. Williams [ainda que atualmente se dedique à pintura]. 

Como os dois são amigos, a entrevista tem várias anedotas pessoais: Williams, por exemplo, comenta como Bagge se mudou para Seattle a convite de Mike Tice -- atual treinador da linha ofensiva do Oakland Raiders, e então jogador do Seattle Seahawks, e, mais importante para o caso, cunhado da esposa de Bagge: “os jogadores eram bastante diferentes depois que você conhece eles. Alguns eram espertos e sensíveis, outros eram uns babacas”.


Bagge também fala sobre as motivações pessoais que levaram a algumas decisões profissionais, como deixar de fazer a Neat Stuff para lançar uma nova revista concentrada em Buddy Bradley, a Hate: “os anos 80 foram muito difíceis para mim, financeiramente Joanne estava indo bem na deli, mas não queria que ela me mantivesse por mais tempo. Também começamos a conversar sobre ter m filho, o que fazia do dinheiro uma coisa importante. Então o sucesso financeiro de Hate não poderia ter acontecido em um momento melhor”.[QUADRINHOS]

Nenhum comentário: