HOWARD CHAYKIN: “EU ERA UM FANBOY GORDO”

* * * *
Oly MacNamee encontrou com Howard Chaykin no Shrewsbury International Comic Art Festival, realizado em uma pequena cidade ao sul de Liverpool. Voltou de lá com uma entrevista, que foi publicada no Bleeding Cool. Nela, Chaykin fala sobre a sua admiração por Gil Kane, sobre o seu desprezo pelo seu trabalho nos gibis de Star Wars, de sua adolescência como nerdão tarja preta de gibi e sobre a sua vida atual.

Vamos ficar com os assuntos menos habituais em sua entrevista: a sua adolescência e a sua vida atual. Quanto a primeira: “tenho uma foto minha aos 17 anos, em uma mesa de desenho, 120 quilos de fanboy gordo. Eu sou o cara que lê Marvel e DC religiosamente, eu era um colecionador de gibis da Era de Ouro quando criança e eu adoro gibis mainstream”. 

Sobre a sua vida atual: “vivo em uma pequena cidade da Califórnia, e não tenho a menor ideia sobre como os criadores modernos trabalham. Converso com Matt Fraction as vezes, mas não vivo mais essa vida. Os caras que eu vejo diariamente são professores de escola aposentados, prop makers aposentados e agricultores aposentados. Como café da manhã todos os dias com uns caras, e eu sou o mais jovem. Acordamos cedo todas as manhãs, é uma cidade agrícola, e, assim, a minha vida social está muito longe da minha vida profissional hoje em dia”. [QUADRINHOS]

Nenhum comentário: