PETER BAGGE: “ROBERT CRUMB DISSE QUE EU ERA A PESSOA MENOS NEURÓTICA QUE ELE CONHECIA”

* * * *
Peter Bagge, do gibi grunge Ódio, foi entrevistado por Nick Gazin, da Vice Magazine. É que Bagge se tornou colaborador da revista [já antes disso fazia cartuns na libertária Reason]. A conversa é um pouco dispersa, mas passa por grande parte da carreira do quadrinista.

Ainda que de forma breve, passa pelo período em que Bagge editou a revista Weirdo -- a anti-Raw, criada por Robert Crumb: “Crumb me convidou. Não nos conhecíamos na época, além de uma troca de cartas pequena e lenta. Vai entender. Ele me disse depois que eu era a pessoa menos neurótica da qual ele conseguia se lembrar. Que elogio!”.



Também sobre as referências que formaram o seu estilo: “no início, eu estava tentando duplicar a cara de desenhos velhos, especificamente aqueles dirigidos por Bob Clampett. Depois, tentei imitar os primeiros gibis desenhados por Harvey Kurtzman, nas suas velhas páginas de Hey Look! e coisas assim”. [QUADRINHOS]

Nenhum comentário: