THE MULTIVERSITY, DE GRANT MORRISON: HOMEM ANIMAL E OS INVISÍVEIS, VERSÃO MEGASSAGA

* * * *
William Bradley resenhou, no Los Angeles Review of Books, The Multiversity Deluxe Edition. É a edição top top da maxissérie de nove edições que Grant Morrison [e vários desenhistas, entre eles Frank Quitely] escreveu para a DC entre 2014 e 2015.

O que Bradley fez foi procurar chaves interpretativas para The Multiversity nas duas séries mais famosas de Morrison, Animal Man e Os Invisíveis. O que ele encontrou: os vilões da maxissérie, uma ração de parasitas cósmicos chamados Gentry, são uma versão vilanesca dos “especuladores imobiliários” [vide gentrificação] e “editores de quadrinhos mainstream”, “pessoas que licenciam a imagem do Batman para toalhas de praia”. 

Seria um gibi, portanto, subversivo: Morrison está usando “a DC/Time Warner, o megafone corporativo, o próprio capitalismo” para criticar e sabotar esse fenômeno -- a la King Mob, dos Invisíveis. [QUADRINHOS]

Nenhum comentário: