LEE BERMEJO: “A MÁFIA ESTÁ LÁ”

* * * *
Lee Bermejo, desenhista conhecido pelos seus projetos em parceria com Brian Azzarello [Coringa, Luthor e Before Watchmen: Rorschach] está em processo de reinvenção: virou roteirista. Primeiro foi Suiciders, série da Vertigo que ele escreve e desenha, lançada no início do ano. Agora, We Are Robin, onde ele só faz roteiros e capas [a arte interna ficou com Jorge Corona, Rob Haynes e Khary Randolph]. Sean Edgar, da Paste Magazine, conversou com ele sobre essa série.

De cara, Bermejo compara Gotham City com Nápoles, a cidade onde ele vive: “Nápoles é incrível, mas é uma cidade onde as coisas ficam fudidas do nada. As coisas podem dar errado muito rapidamente. E existe esse elemento de sujeira e da cidade desmoronando. Acho que esse aspecto da Europa me influencia. Muito. É o aspecto desses lugares que funcionam com regras diferentes daquelas com as quais nos acostumamos. A máfia é uma presença constante. Esta lá. Não vai sair”. [QUADRINHOS]

Nenhum comentário: