NAOKI URASAWA E HISASHI EGUCHI: HERGÉ, MOEBIUS E KATSUHIRO OTOMO

* * * *
Uma conversa entre Naoki Urasawa [Monster, Pluto] e Hisashi Eguchi [ilustrador japonês de pop art] sobre mangás. É assim, sem um contexto preciso, que o Manga Brog apresentou esta postagem, com uma transcrição do papo. De qualquer forma, é bacana: uma conversa relaxada, quase uma troca de anedotas. Começa com Hergé, que é o caminho que eles tem para chegar em Moebius. Daí para Katsuhiro Otomo é um pulo: 90% do tempo eles falam sobre o criador de Akira.

Urasawa confessou que “devorava visualmente as ilustrações de Moebius” e que Fireball [primeira série de ficção científica de Katsuhiro Otomo] foi o seu New Treasure Island [primeiro grande trabalho de Osamu Tezuka e o marco zero do mangá moderno]: “só me dei conta disso depois, mas existem coisas que você não se dá conta quando olha para a longa tradição das pinturas ocidentais, mas, de repente, você percebe no trabalho de Otomo. 'Uau, eles estão fazendo aquele negócio que o Otomo faz!'. É o que mostra como a arte de Otomo é compreensível”. [QUADRINHOS]

Nenhum comentário: