CHRIS TAYLOR SOBRE GUERRA NAS ESTRELAS: FLASH GORDON, CARROS DE CORRIDA, NERDISMO E CARLOS CASTANEDA

* * * *
Ontem teve trailer novo de Star Wars: O Despertar da Força -- e é sensacional. Também é um bom motivo para compartilhar essa entrevista: Joshua Rothman, da New Yorker, falando com Chris Taylor, o escritor de How Star Wars Conquered the Universe.

Diz Rothman que o livro dá ênfase à origem de Guerra nas Estrelas em Flash Gordon. Taylor confirma: “se você prestar atenção no que diz Lucas, ele diz que as pessoas exageram a influência de outros aspectos, como Kurosawa, e subestimaram a importância dessa pequena série boba do final dos anos trinta e inícios dos quarenta. A tira em quadrinhos e o seriado foram muito influentes e eles preencheram o papel que Guerra nas Estrelas tem hoje: não tem problema ser adulto e gostar de Flash Gordon”.

Mas Guerra nas Estrelas, é claro, não é só isso: da conversa entre os dois você tira que os filmes são uma mistura de Flash Gordon com carros de corrida, filmes experimentais [“THX 1138 tem muitas semelhanças com Alphaville”], nerdismo de quadrinhos [Lucas: “isso tudo veio de gibis que eu li com dez anos de idade”] e hippismo setentista [“os livros de Carlos Castaneda foram uma grande influência”]. 

As restrições também ajudaram: “restrições criativas funcionaram para Lucas de uma forma que ele nunca entendeu. Ele nunca entendeu que era uma boa coisa que Tatooine fosse dispersa e parecida com algo de Sergio Leone”.

O trailer de O Despertar da Força, que estréia em 17/12/2015 no Brasil e que você deve saber que é dirigido por J. J. Abrams, é essa coisa maravilhosa que segue:

Nenhum comentário: