STEVE GERBER: “ERA JOVEM, E A JUVENTUDE PODE SER UMA VANTAGEM TÃO GRANDE QUANTO A IGNORÂNCIA”

* * * *
O site espanhol Entrecómics recuperou e traduziu uma entrevista que Steve Gerber deu para Jon B. Cooke em 2000, originalmente publicada na revista Comic Book Artist #7.

A entrevista é longa e passa por diversos pontos da carreira de Gerber [Howard o Pato e Omega the Unknown entre eles]. Mas saca só essa parte, sobre como ele começou a trabalhar na Marvel em 1972, que dá uma boa idéia da escala do negócio na época: “estava trabalhando em uma agência de publicidade em St. Louis escrevendo anúncios. Escrevi uma carta para Roy Thomas dizendo: ‘imagino que você não...’ [Risadas]. Minha carta chegou justo quando a Marvel foi comprada pela Cadence Industries e ia expandir a sua linha. Roy me mandou o que se chamava de ‘teste de roteirista’, seis páginas de um gibi sem diálogo. Páginas, no caso, do Demolidor de Gene Colan, escritas por Gerry Conway: “a ideia era ver se você podia tirar uma história das imagens, sem conhecer o roteiro original”. [QUADRINHOS]  

Nenhum comentário: