WILL EISNER: DESPREZO PELA HUMANIDADE

* * * *
James Vance [que ganhou o Eisner e o Harvey pelo gibi King in Disguise] postou a transcrição de uma palestra que deu no festival de abertura do Billy Ireland Museum sobre Will Eisner, focada no seu lado escritor. O pretexto foi o 35º aniversário de lançamento de Um Contrato com Deus, que o próprio Vance considera a principal obra do quadrinista.

Além de fazer um histórico da carreira de Eisner, e de ressaltar que esse não se via como um escritor “sério”, Vance destacou algumas características do Eisner-roteirista. Uma delas, certo desprezo pela humanidade [“Life on Another Planet parece se dedicar a provar que toda a raça humana é formada por idiotas e patifes”]; outra, o jeitão direto ao ponto [“vamos tocar adiante essa merda expositiva e entrar no que realmente importa”]. [NFN DIÁRIO]

Nenhum comentário: