JACK KIRBY SAI DA MARVEL: O QUE SE DISSE, O QUE SE DIZ

* * * *
Daniel Best publicou no 20th Century Danny Boy mais um “In Their Own Words” -- seção do blogue dedicada a agrupar declarações de quadrinistas em diversas entrevistas sobre um determinado fato. Dessa vez, Best reuniu trechos de entrevistas dadas por  Jack Kirby [+], Stan Lee [+], Carmine Infantino [+], John Romita Sr. [+], Joe Simon [+] e Mike Esposito falando sobre a saída de Kirby da Marvel em 1970.

As declarações foram divididas em três tópicos: “Kirby vai para a Distinta Competência”, “Kirby na DC” e “Kirby volta para a Marvel”. De um intercâmbio entre frases de Infantino [que levou Kirby para a DC] e de Kirby já dá pra sacar a confusão que REINA sobre o assunto: No livro The Amazing World of Carmine Infantino, o próprio Infantino diz que Kirby ofereceu Os Novos Deuses para a DC; na revista Comics Scene #2, dos anos 80, Kirby diz que Infantino ofereceu para ele toda a linha de gibis do Super-Homem, o que ele não aceitou por não querer “tirar trabalho dos caras que estão fazendo isso há anos”, motivo pelo qual ficaria apenas com uma série, a do Jimmy Olsen, “que não vende nada”; de novo no The Amazing World de Carmine Infantino, esse diz que “Kirby queria escrever toda a linha de gibis do Super-Homem”, mas que lhe ofereceu apenas a série do Jimmy Olseon: “se funcionar, te dou as outras”. [NFN DIÁRIO]

Nenhum comentário: