STAN LEE: GÊNIO DO MARKETING QUADRINÍSTICO


[NFN DIÁRIO #176]                                        * * *                                                [15/2/2013]

Glen Weldon escreveu, no New Republic, um artigo que pretende desmascarar a farsa Stan Lee [+] para as massas. No meio de tanto ódio, também encontrou espaço para O AMOR: Lee soube como ENCONTRAR E SOTERRAR COM GIBIS um público para a Marvel.

Lee fez o que qualquer executivo habilidoso faz quando recebe a ordem de vender mais do seu produto: identificar um novo mercado, no seu caso, adolescentes que aos 12 anos abandonaram os quadrinhos porque eram "coisas de criança", e planetar um método impiedosamente efetivo de vendê-lo para eles. Lee supervisionou uma iniciativa que levou o emocionalismo infantil, muitas vezes freudiano, grampeado em quadrinhos há décadas ("B-Batman está baixando a Batwoman! A-acho que ele não precisa mais de mim *ENGASGO*!) e mergulhou ele em um banho pungente de hormônios adolescentes.

Nenhum comentário: