GRANT MORRISON: "DE QUE LADO O SUPER-HOMEM ESTÁ?"

[NFN DIÁRIO #176]                                        * * *                                                [15/2/2013]

A fase de Grant Morrison [+] na Action Comics [+] está para acabar. Brian Compton, do Comics Alliance, achou que esse era um bom mote para uma entrevista. Eu concordo com Brian Compton.

GM: Simbolicamente, não sou um fã de lidar com política em gibis de super-heróis porque eu acho que isso diminui os dois lados da questão, mas eu tenho a minha visão das coisas. Eu tenho a minha visão política e elas tendem a encontrar um caminho. E, de verdade, para mim é mais simbólico, a forma que a história consegue abordar esses problemas e olhar eles através da perspectiva do Super-Homem, e Red Kryptonite e da bizarrice. Então é algo enterrado. Acho que o Super-Homem, no seu início, estava muito mais alinhado com o lado anti-establishment, anti-autoritário, porque acho que quando o Super-Homem começou a sua carreira foi nisso que ele entrou.




                  

Nenhum comentário: